CLDF – Desocupados pela truculência do Arruda

Foto da retirada dos manifestantes que ocuparam por 1 semana a câmara legislativa do distrito federal

Os cerca de 100 cidadãos que ocupavam a Câmara Legislativa do Distrito Federal, foram retirados a força ontem pela polícia militar sobre a coordenação do BOPE. Mais da metade foi retirada carregada e o restante, visto o cansaço dos policiais, decidiu sair toda abraçada em fila.

Os e as ocupantes deliberaram em Assembléia Geral na madrugada de segunda para terça-feira desocupar o plenário da câmara, entregá-lo limpo e da forma como foi encontrado, acompanhar os trabalhos da galeria da casa, e voltar a re-ocupá-lo ao fim dos trabalhos, como vinha fazendo dês do início da ocupação, em 2 de dezembro.

O Governador José Roberto Arruda (DEM) mandou funcionários do seu governo, em sua maioria absoluta comissionados, para violentar e causar tumulto na câmara legislativa para forçar a intervenção policial. Os ocupantes haviam desarmado qualquer ação de reintegração, tendo inclusíve obtido o compromisso do presidente interino da casa, decidindo pela desocupação do plenário, mas Arruda orquestrou a agressão ao movimento pacífico de resistência e pressão.

Hoje, 9 de dezembro o Governador Arruda mandou o BOPE e sua PM para agredir os quase 5 mil manifestantes que protestavam, prendeu 9, agrediu dezenas, dentre elas crianças. O ainda Governador Arruda teve seu governo marcado pela truculência e opressão, seu BOPE atuou no Carnaval de Brasília no ano passado pela primeira vez na história deste tradicional carnaval de rua, de muita alegria e civilidade, crianças, famílias e idosos foram agredidos, e neste ano de 2009, para ficar apenas em dois exemplos, sua polícia agrediu dezenas de moradores da estrutural, que revindicavam o justo direito dos moradores de baixa renda à terra da União da Cana do Reino, que não pertence ao GDF mas no entanto estão sendo griladas para mais construção de alta renda da construtora Paulo Otávio.

Arruda possui hoje o aparato dos dois grandes jornais da cidade (Correio Braziliense e Jornal e TV de Brasília do seu Vice Paulo Otávio),  homem mais rico de Brasília que quer expulsar os únicos índios da capital federal, que vivem hoje no coração de Brasília chamado Santuário dos Pajes, ha mais de 40 anos, PO e Arruda querem derrubar o único recanto intocado do Cerrado no centro da capital, que está ao lado de um parque nacional, para construi um bairro com o metro quadrado a 12 mil reais. A construtora Paulo Otávio constrói hoje quase tudo quanto é prédio que é erguido em Brasília.

Em breve o movimento de ocupação da Câmara Legislativa do Distrito Federal FORA ARRUDA E TODA SUA MÁFIA se reunirá para definir a Nota de desocupação.

Video com imagens da desocupação que a grande mídia dos empresários não mostrou:

http://www.youtube. com/watch? v=ezXAx2ht2Mk

A luta só termina com as vitórias, FORA ARRUDA, PAULO OTÁVIO, PARLAMENTARES CORRUPTOS/AS e o NOROESTE.

Informe da Comissão de Comunicação


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: